segunda-feira, 31 de outubro de 2011


"Nunca se justifique; os amigos 
não precisam e os inimigos não acreditam".

No dia do seus anos . Homenagem a Carlos Drummond de Andrade.


CERÂMICA

Os cacos da vida, colados, formam uma estranha xícara.
Sem uso,
ela nos espia do aparador.
In José & Outros
José Olympio, 1967

BAHIA
É preciso fazer um poema sobre a Bahia...

Mas eu nunca fui lá.
In Alguma Poesia
Edições Pindorama, 1930
 
COTA ZERO
Stop.
A vida parou
ou foi o automóvel?
In Alguma Poesia
Edições Pindorama, 1930
 
[CEMITÉRIO] DE BOLSO
Do lado esquerdo carrego meus mortos.
Por isso caminho um pouco de banda.
In Fazendeiro do Ar
José Olympio, 1954



domingo, 30 de outubro de 2011

Crise econômica mundial.

Para quem gostaria de entender o que a Islândia está fazendo para sair da crise e que vai contra-corrente dos outros países europeus dê uma lida nessa matéria. Ela é bem elucidadora .

 O-caminho-seguido-pela-Islândia. por Paul Krugman.

Uma música maravilhosa para esse domingo.

Cinema essa maravilhosa arte.

Sempre gostei de cinema. Nem sei quantos filmes já assisti na minha vida , mas com certeza já devo estar na casa do milhar. Ontem assisti dois filmes que são separados por 44 anos. O francês "Vivre pour Vivre" dirigido por Claude Lelouch de 1967 com Candice Berger, Yves Montand e Annie Girardot. 
O outro foi o argentino  "Un Cuento Chino" dirigido por Sebastián Borensztein de 2011 com Ricardo Darín, Muriel Santa Ana e Ignacio Huang.
Dois filmes magníficos. Vivre pour Vivre é uma lição de arte cinematográfica. De uma beleza plástica incrível. Uma fotografia deslumbrante. Atores perfeitos. Um cinema moderno que seria ainda hoje considerado  "avant-garde". Música maravilhosa.  
Un cuento chino que é baseado num fato real traz uma história que parece ser de mentira justamente por trazer em si o inusitado da vida real. 
Maravilhosa atuação de todos os atores, roteiro perfeito. Um ótimo filme.
Para mim cinema é isso : imagem e história(roteiro) . 
Lelouch nos ensina porque cinema é arte e Borensztein porque essa arte nunca vai morrer.
Quem tiver oportunidade que assista os dois. 






terça-feira, 25 de outubro de 2011

Homenagem a Turquia nesses dias de terremoto.


Dolmabahçe foi o primeiro palácio de estilo europeu em Istambul e foi construído por ordem do sultão Abdülmecid I entre 1842 e 1853, com um custo de cinco milhões de libras de ouro otomanas, equivalentes a 35 toneladas de ouro . Catorze toneladas de ouro foram usadas para ornamentar os tetos do palácio.
O maior lustre de cristal da Boêmia presenteado pela rainha Vitória do Reino Unido decora o salão central. O candeeiro tem 750 lâmpadas e pesa 4,5 toneladas. O Dolmabahçe tem a maior coleção de lustres feitos de cristal da Boêmia e Baccarat do mundo.
O salão principal é enorme quase meio quarteirão . O corrimão da escada é sustentado por pilares de cristal . É maravilhoso mesmo. Visita inesquecível. 








quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Word as Image e eu adoro Imagens!

Adoro a pintura Impressionista.

Lesser Ury ( 1861-1931) Impressionista Alemão.











O mundo hoje.

Tem dias que as coisas acontecem juntas. Hoje é um dia desses.

Na Espanha :
Bilbao (Espanha), 20 out (EFE).- A organização terrorista basca ETA anunciou nesta quinta-feira "o fim definitivo de suas atividades armadas", segundo um comunicado divulgado na edição online do jornal basco "Gara".A ETA, sigla de "Euskadi Ta Askatasuna" ("Pátria Basca e Liberdade"), foi fundada no dia 31 de julho de 1959 com o objetivo de buscar a independência do País Basco da Espanha. Em seus 50 anos de atividade, causou a morte de quase 900 pessoas.

Na Líbia:
(IG)-O primeiro-ministro do Conselho Nacional de Transição (CNT), Mahmoud Jibril, confirmou nesta quinta-feira que o líder deposto Muamar Kadafi, de 69 anos, foi morto na Líbia. Kadafi, que se agarrou ao poder por 42 anos até que fosse deposto por sua própria população em um levante que se tornou uma sangrenta guerra civil, foi morto por forças revolucionárias durante a queda de Sirte, sua cidade natal, o grande último bastião de resistência desde a queda do regime, há dois meses.

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Nunca fomos tantos.

E parece que agora seremos muitos mais. Esse nosso planeta está ficando superpovoado. Já dizia Malthus em 1798 que a população crescia em PG enquanto a comida crescia em PA . Ou seja não vai haver comida para todos o que de certa forma já acontece. Vai chegar um dia em que vamos mesmo ter que colonizar a Lua ou outro planeta qualquer para poder abrigar os outros bilhões de seres humanos que vão nascer.
Somos muitos é verdade . A expectativa de vida aumentou , a mortalidade infantil diminuiu,  mas a pobreza e a míséria ainda não foram erradicadas e é bem possível que nem sejam enquanto o capitalismo ditar as normas.  Como diz o Caetano Veloso numa musica " gente é pra brilhar , não pra morrer de fome" . 


sábado, 15 de outubro de 2011

Um pouco do boa arte nesse dia de chuva.



Crise na Europa. Matéria para ler , pensar e opinar.


Do Portal Luís Nassif

Calote Parece Inevitável, E Poderá Resultar Em Golpe De Estado Na Grécia E Em Portugal

pacotes de austeridade goela abaixo, o que os mergulha na deflação que, em minha opinião, poderia resultar em uma revolução na Grécia, e possivelmente em Portugal também," disse Farage ontem. "O que estamos fazendo é estúpido e, de fato, muito, muito perigoso. Se a Itália for para o buraco, vai ser preciso um trilhão para salvá-la. E afinal, para que mandar dinheiro para esses países? Esse dinheiro está ajudando o povo da Grécia e de Portugal? Não, não está!"
"O que estão fazendo na realidade," continuou ele, "é mandar dinheiro para esses países para que possam mandar de volta para os nossos bancos que, em primeiro lugar, emprestaram-lhes muito mais do que deviam. Isso tudo é uma loucura. Esses países, que caíram nessa prisão econômica chamada Eurozona, precisam mesmo é de uma desvalorização cambial."
Nesse curso escolhido pela União Européia (UE), o calote grego é inevitável, afirmou Farage.
"Há nove meses eu venho perguntando por um Plano B," disse ele. "Poderíamos por favor crescer, poderíamos por favor ser maduros, poderíamos por favor ser bons europeus, e reconhecer que quando o inevitável calote grego vier, a não ser que tenhamos um Plano B, no primeiro dia não haverá dinheiro nos bancos, e no segundo não haverá pão nas padarias. Até agora não fizeram absolutamente nada. Eu acho que o que acontecerá agora, é que os economistas começarão a montar um plano de contingência que permita a Grécia, Portugal, e também a Irlanda, abandonarem a Eurozona, reescalonarem as suas dívidas, criarem um dinheiro novo que seja desvalorizado em 50%, talvez 60%. E como a Islândia provou em 2008, às vezes é melhor encarar a feia realidade, aceitar quem você realmente é, e começar tudo de novo. É isso que precisa acontecer."
(...)

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Descobertas arqueológicas.



 Há cem mil anos os humanos produziam tinta. Talvez decorassem a roupa ou o corpo com desenhos e símbolos. Não se sabe. O certo é que eram artesões com um local próprio onde juntavam pigmentos, adicionavam um líquido, misturavam-no.



Conchas com o resto de tintas produzidas há cem mil anos( Cris Henshilwood)

Em 2008 uma equipa de investigadores descobriu na gruta de Blombos, perto da Cidade do Cabo, na África do Sul, a mais antiga oficina da humanidade que se conhece. Os resultados são publicados hoje na revista Science e ampliam o que se sabe sobre os primeiros tempos da espécie humana.
Os arqueólogos da Universidade de Bergen, na Noruega, encontraram duas espécies de “estojos de ferramentas” da idade da pedra pertencentes ao Paleolítico Médio, numa camada com cem mil anos, na gruta. Duas conchas de uma espécie de molusco, separadas por alguns centímetros, em que cada uma continha restos secos da tinta vermelha ocre produzida pelas pessoas que estiveram ali. Um dos estojos estava mais completo, e tinha pedras para polir, osso, carvão vegetal, etc.
Através de uma análise da tinta, a equipa de Cristopher Henshilwood conseguiu perceber qual era a sua composição. “Acreditamos que o processo de produção envolvia esfregar pedaços de ocre [composto obtido a partir da terra ou da rocha que contém uma mistura de óxidos e hidróxidos de ferro, com cor ferruginosa] em lâminas de quartzito para produzir um pó fino”, explicou em comunicado Henshilwood. Depois o pó era misturado com carvão vegetal, com lascas de pedra e um líquido
.

terça-feira, 11 de outubro de 2011


No meio do caminho.


No meio do caminho tinha uma pedra
tinha uma pedra no meio do caminho
tinha uma pedra
no meio do caminho tinha uma pedra.
Nunca me esquecerei desse acontecimento
na vida de minhas retinas tão fatigadas. 
Nunca me esquecerei que no meio do caminho
tinha uma pedra
 
Tinha uma pedra no meio do caminho
no meio do caminho tinha uma pedra.
(Carlos Drummond de Andrade)

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

domingo, 9 de outubro de 2011

Linda Ephesus!



 Ephesus , em turcoEfes, foi uma cidade greco-romana da Antiguidade situada na costa ocidental da Ásia Menor, na região de Ismir (Esmirna), na Turquia. Durante o período romano, foi por muitos anos a segunda maior cidade do Império Romano. Tinha uma população de 250 000 habitantes no século I a.C., o que também fazia dela a segunda maior cidade do mundo na época.
Esse sítio arqueológico abaixo fica perto da cidade de Selçuk e do porto de Kusadasi.





Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Praia Grande , Big Beach. , SP, Brazil
Historiadora por profissão. Escritora por destino .Viajante no mundo por acaso. Fotógrafa amadora por paixão.